Preciso escrever algo para meu pai

domingo, agosto 11, 2013


    Pensei...
                Pensei...
                Preciso escrever algo. Preciso escrever algo para meu pai.
                Mas o que?
                O que eu quero escrever para ele?
                Talvez eu queira dizer que todas as vezes que ele fala eu escuto, mesmo que às vezes de inicio não aceite, depois eu penso e tento entender.
                Poderia escrever sobre todos os momentos legais que passei com ele durante os meus 18 anos... Das coisas que ele fez por mim, que ele falou e me ensinou.
                Poderia escrever um conto agradecendo por ele existir, por me inspirar, por passar para mim tantas qualidades... E por ter me dito: “Tudo tem o seu tempo”, “O Fato de eu ter errado não quer dizer que você precisa fazer o mesmo”, “Estude”...
                Quase tive certeza que deveria escrever páginas e mais páginas sobre ele, escrever um livro e dar para ele, mas precisariam de pelo menos uns 10 “dias dos pais” para escrever tudo... Tinha pouco tempo.
                Foi quando eu percebi: podia resumir todas as coisas que eu tinha para dizer em uma frase, mas qual?
                “Você é especial”? Não. Muito vago.
                “Você foi muito importante na minha vida”? Não. Ele ainda é.
                “Obrigado”? Mas pelo que especificamente? Tinha que dizer
                “Feliz Dia dos Pais”? NÃO!!!
                “Eu te amo”? Sim. Essa é perfeita. Resume bem tudo o que eu queria dizer.
                  EU TE AMO, PAI!!!

De Jônatas Amaral

Dedicado à meu Pai: João Carlos.

You Might Also Like

0 comentários

DIA DO ESTUDANTE AMAZON